sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Chapecoense apresenta comissão tecnica para renascer das cinzas.


A Chapecoense escolheu Vagner Mancini como seu novo treinador para comandar a reconstrução do clube em 2017. Mancini vai ocupar o lugar deixado por Caio Jr., morto no acidente de avião na Colômbia em que outras 70 pessoas perderam a vida, no último dia 29.

A escolha de Mancini foi confirmada por Plínio David de Nês Filho, conhecido como Maninho, que é presidente do Conselho Deliberativo do clube. O treinador chegou a Chapecó na manhã desta sexta para se reunir com outros dirigentes do clube.

O último trabalho de Mancini foi no Vitória-BA, de onde foi demitido em setembro após derrota por 2 a 1 diante do Flamengo, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pelo clube baiano, Mancini foi campeão estadual em 2016.

Levir Culpi, que dirigiu o Fluminense no Brasileiro de 2016, chegou a se oferecer de graça para dirigir a Chapecoense até o fim do Campeonato Catarinense, mas a diretoria do clube deu preferência a algum nome que topasse assinar ao menos um ano de contrato.
A Chapecoense também definiu, nesta sexta, o nome do novo diretor de futebol: o escolhido foi Rui Costa, que trabalhou no Grêmio até maio deste ano. Embora ainda não haja confirmação oficial, Costa já teria acertado os detalhes do contrato, segundo o "Globoesporte.com". O executivo assumirá a função de Mauro Stumpf, que era diretor de futebol da Chapecoense e foi uma das vítimas fatais na queda do avião da LaMia.

A relação de itens que serão debatidos na reunião, marcada inicialmente para as 19h, envolve a remontagem do elenco e o planejamento para a disputa da Libertadores na próxima temporada ,a Chapecoense conseguiu vaga na competição por ter sido aclamada campeã da Copa Sul-Americana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário